Denúncia contra vândalos na reserva de Dourados

foto: Jaqueline Gonçalves Porto Comunidade indígena, funcionários da SESAI e AJI/GAPK denunciam vandalos na Reserva de Dourados Comunidade indígena denuncia vândalos que entraram pela décima vez no Posto de saúde indígena GUATEKA na aldeia Jaguapiru em Dourados/MS. Romilda Martins, enfermeira, disse que vândalos levaram geladeira e estragaram os equipamentos que os médicos usam para atendimento … Continue reading Denúncia contra vândalos na reserva de Dourados

Falta água na aldeia!!!

Uma problemática história que é recorrente na Reserva Indígena de Dourados que caracteriza um desprezo tanto do estado quanto do município e dos órgãos responsáveis pelo saneamento básico da mesma. Mesmo estando muito próximo a cidade, somente a 5 km, a RDI não tem o que lhe é de direito constitucional, além disso, o respeito … Continue reading Falta água na aldeia!!!

Jovens da Escola Castro Alves e da AJI participam de palestra sobre Direitos Humanos, Juventudes e Sociedades (nte dourados)

29.08.2017 - Zélia Cordeiro (via NTE Dourados) Dourados (MS) – Jovens dos 9ºs anos da Escola Estadual Castro Alves, localizada no município de Dourados (MS), e jovens da AJI (Ação dos Jovens Indígenas de Dourados/MS) participaram, no dia 24 de agosto, da palestra “Direitos Humanos e o Lugar dos Jovens”, ministrada pela professora Ana Cláudia de … Continue reading Jovens da Escola Castro Alves e da AJI participam de palestra sobre Direitos Humanos, Juventudes e Sociedades (nte dourados)

Índios da Bororó saem em defesa de sitiantes e impedem invasão

Por: Flávio Verão - O Progresso - Dourados, 24/07/2017 (foto: Hedio Fazan) Esta cada vez mais tenso o conflito na região da perimetral norte onde abriga pequenas propriedades rurais, todos vizinhos a aldeia Bororó, em Dourados. Donos de sítios e chácaras ganharam aliados na briga pelas terras. Trata-se de moradores da própria aldeia que se … Continue reading Índios da Bororó saem em defesa de sitiantes e impedem invasão

Jornalista que escreveu “índio bom é índio morto” é condenado a pagar multa

Dourados News - 13/07/2017 17h05 A 2ª Vara Federal em Dourados julgou procedente ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público Federal e condenou o jornalista Walter Navarro ao pagamento de indenização fixada em R$ 50 mil por dano moral coletivo, pois considerou que o comunicador extrapolou a liberdade de expressão ao veicular conteúdo ofensivo e pejorativo … Continue reading Jornalista que escreveu “índio bom é índio morto” é condenado a pagar multa